Vulnerabilidade

desenho notebookPode ser uma falha no projeto, na implementação ou na configuração de determinado software ou sistema operacional. Quando essa falha é explorada por um 'atacante', ou seja, alguém que queira invadir e roubar dados do seu computador ou rede, resulta na violação da segurança.

Negação de Serviço

Também conhecido como 'DoS - Denial of Service', esse ataque de negação de serviço ocorre quando o 'atacante' usa apenas UM computador para tirar de operação outro computador conectado à internet ou um serviço.

O 'DdoS – Distributed Denial of Service' é um ataque de negação de serviço distribuído, VÁRIOS computadores são utilizados para tirar de operação um ou mais serviços e computadores.

Phishing

É um termo utilizado para definir a fraude que acontece através do envio de mensagens não solicitadas. A comunicação que o usuário recebe parece ter sido enviada por uma empresa/organização conhecida, como bancos, órgãos públicos, etc; os quais levam o usuário ao acesso de páginas falsas, que são utilizadas para furtar os dados pessoais e financeiros de quem o acessa.

Malware

Também conhecido como 'código malicioso', o malware é o termo usado para denominar os tipos de programas usados para praticar ações maliciosasameacas em uma máquina.

Vírus

Os vírus são um dos maiores problemas dos usuários. Eles são frutos da criação de pequenos programas com objetivo de causar danos à máquina infectada. Eles podem apagar dados, capturar informações e alterar o funcionamento normal do computador.

Os sistemas operacionais Windows, que são os mais utilizados no mundo todo, e seus usuários, são o principal foco de ataque desses vírus, que muitas vezes podem agir sem provocar nenhuma percepção do usuário e até mesmo ser executados em datas específicas.

A melhor forma de descobrir se seu computador está infectado é fazendo uma varredura pelo antivírus, que deve estar previamente atualizado.

Tipos de Vírus

Vírus de Macro

São vírus feitos na linguagem dos macros e funcionam dentro dos programas em que estão interligados. Ou seja, ao abrir um arquivo de Power Point (.ppt) infectado com esse tipo de vírus, por exemplo, o vírus é automaticamente ativado e grava arquivos que substituem partes dos comandos normais do programa.

Vírus de Boot

É o tipo de vírus mais comum. Para infectar uma máquina com ele, basta colocar um pen drive infectado no drive.

Vírus de Arquivo

São os vírus que ficam 'guardados' em arquivos executáveis, que geralmente são de extensão EXE ou COM. Esse tipo de vírus altera o arquivo original e o leva até a memória RAM antes do arquivo original e correto. A partir do momento que ele chega à memória, acaba contaminando todos os outros arquivos executáveis.

Vírus de Programa

Assim como os vírus de arquivos, infectam arquivos executáveis e podem impedir o usuário até de ligar a máquina.

Cavalo de Troia

É um tipo de vírus que permite total acesso remoto à máquina após a infecção. Pode também ter outras funções como roubar dados do usuário e executar instruções de scripts. Entre essas instruções, podem surgir ordens de deletação de arquivos, destruição de aplicativos, etc. A partir do momento em que um cavado de tróia permite o acesso à uma máquina, ele passa a utilizar portas TCP e acaba alertando ao seu criador que aquele computador está 'disponível'.

Adware e Spyware

Os adwares, originalmente, tem a função apenas de projetar propagandas através de um browser ou programa instalado no computador. Atualmente, esses tipos de programas têm causado danos, por algumas vezes possuírem instruções para captar informações com dados do usuário e repassar para terceiros, sem qualquer autorização. Essa prática é conhecida como spyware.

Backdoor

É um tipo de falha na segurança, também conhecida como 'porta dos fundos', que pode atuar em um programa ou sistema operacional e permitir a invasão do sistema por um cracker, que terá acesso de controle total da máquina, podendo instalar outros tipos de vírus e programas maliciosos.

Worm

Os worms (vermes) são considerados o tipo de vírus mais inteligentes. A diferença entre eles e os vírus comuns está na propagação, os worms se propagam rapidamente para outros computadores através do 'auto replicamento'.

Keyloggers

São aplicativos que se encontram em outros tipos de vírus, spywares ou softwares, que têm a finalidade de capturar o que é digitado pelo usuário no teclado. Assim, o objetivo principal se torna capturar senhas.

Spam

Spams são os e-mails não solicitados pelo usuário, que são enviados para um grande número de pessoas e podem vir contaminados.